Notícias

Oficina Escola de Culinária oferece novas atividades à comunidade


04/08/2009

Maria Luzimar Bezerra e Silva  era uma das alunas mais animadas da aula de culinária regional, na tarde da quarta-feira, 29 de julho. Além de aluna, Luzimar é mãe de Danielle, jovem integrante do São Miguel no Ar. “Sempre vinha participar das atividades da minha filha, nas reuniões de pais ou nas apresentações. Não sabia que a Fundação oferecia também projetos para adultos.É muito importante também ter a oportunidade de me desenvolver”

A oportunidade a qual Luzimar se refere faz parte da programação da Oficina Escola de Culinária, implementada com a ampliação do Galpão de Cultura e Cidadania no início do mês de junho. Atualmente, o SESI realiza módulos de formação, dos seguintes cursos: salgados para festa, docinhos, culinária regional, bolo simples e pães e biscoitos. A programação visa também capacitar a comunidade, dentro das normas de higiene e manipulação dos alimentos, com técnicas que vão desde o pré-preparo, cálculos de custo e venda e apresentação dos produtos. As atividades são coordenadas pelo Programa Ação Família.

Segundo Guiné Silva, assistente do Programa Ação Família, os cursos iniciais têm o papel de identificar pessoas com talento empreendor. “Esperamos qualificar a mão de obra local e estimular pequenas iniciativas de geração de renda. No próximo ano, a idéia é formar um grupo que produza alimentos com cardápios diferenciados e conectados à demanda do comércio local.”

A avaliação de Claudia Amaral Gurgel, nutricionista do SESI responsável pela formação, é de uma comunidade com muito potencial. “Eles são bons cozinheiros, são dedicados e, se quiserem, poderão formar uma ótima cooperativa”.

 

Mônica Leandro da Silva Carvalho, de rosa, pretende abrir seu próprio negócio. (Fotos: divulgação) 

Para algumas participantes, ter a oportunidade de fazer o curso foi uma maneira de colocar em prática alguns planos estimulados pelas ações do próprio Ação Família. “Minha vida começou a mudar quando passei a frequentar o Ação Família. Aprendi muito durante as terapias comunitárias e com as reuniões. Descobri que eu posso sair de casa e conquistar muitas coisas, por isso resolvi fazer o curso e me preparar para com minha mãe abrir meu próprio negócio”, conta Mônica Leandro da Silva Carvalho, dona de casa de 38 anos.

Como tudo começou

A criação e o inicio das atividades da Oficina Escola de Culinária contaram com o apoio dos organizadores do Jantar do Século, um encontro realizado em novembro de 2008, promovido pela revista Prazeres da Mesa em parceria com o Senac-SP, e com as empresas de eventos gastronômicos Sibaris, em São Paulo, e GSR, na Espanha. Parte da renda arrecadada durante o evento gastronômico foi revertida para projetos voltados à formação de cozinheiros e à inserção de profissionais no mercado, entre outras atividades.

Para saber mais sobre o Programa Ação Família clique aqui!
Para saber mais sobre o Galpão de Cultura e Cidadania clique aqui!

Confira uma das receitas do curso

Entre os dias 28 de julho e 6 de agosto, as mulheres entrevistas para esta matéria aprenderam a fazer diversos pratos da culinária regional. Entre os pratos, uma deliciosa cocada de maracujá de colher que você pode conferir abaixo:

Ingredientes:
1 kg de açúcar
½ litro de água
500 gramas de coco fresco ralado
Canela em pau à gosto
1 xícara (chá) de suco de maracujá (fruta)
1 colher (sopa) de glicose

Modo de fazer:
Faça uma calda com água e o açúcar em ponto de fio. Coloque o coco ralado fresco, o suco de maracujá e a glicose. Deixe cozinhar por 20 minutos. Coloque a canela e deixe esfriar. Sirva gelada

Rendimento: 40 unidades