Notícias

Jovens participam do Curso de Iniciação Política


05/11/2014

Por meio de uma parceria entra Fundação Tide Setubal e a Fundação Konrad Adenaue, que auxilia no desenvolvimento da educação política, cerca de 120 jovens de São Miguel participaram do Curso de Introdução Política nos dias 23,24 e 25 de setembro, realizado no CDC Tide Setubal e no CEU Parque Veredas, com alunos da Escola Estadual Doutor Umberto Luiz D'Urso. A educadora política Maria Isabel Lopes da Cunha Soares e o cientista social Humberto Dantas conversaram com os jovens sobre a democracia e o futuro da política, ética e política, direitos essenciais e cidadania, demandas e direitos – atividade em grupo, estrutura do Estado Brasileiro, conquistas e organização da sociedade .

Para Humberto, a falta de educação política nas escolas é um grande problema.  "Ao contrário do que pensam, os jovens se interessam muito por política, eles só precisam de espaço para descobrir e para falar sobre ela. Esse mito de que essa geração não é interessada foi imposto há muito tempo, e precisa ser quebrado”.
Bruna Ribeiro Santos, 12 anos, estuda na EMEF Antônio Carlos de Andrade, e participou pela primeira vez de uma roda de conversa sobre política. “Gostei muito do curso. É importante conhecer mais sobre como funciona a política, não temos esse tipo de conversa dentro da escola, mesmo sendo um assunto fundamental para nosso futuro.”

Os jovens aprenderam um pouco mais sobre as responsabilidades dos nossos representantes, ao montarem um quadro com a divisão dos três poderes. “Quando se tem um espaço para falar sobre política com as novas gerações, é sempre produtivo. Eles estão em uma fase importante, onde começam a ter maiores responsabilidades como cidadãos e precisam entender como funciona nossa política”, destaca Maria Isabel.

Rodrigo Hermogenes, 18 anos é integrante do grupo Intermídia, do Núcleo de Comunicação Comunitária São Miguel no Ar, destaca a importância de conversar sobre política. “Quando se pensa em política, normalmente, as pessoas associam a algo chato, aqui no curso o Humberto e a Maria souberam abordar o tema de uma maneira simples, com uma linguagem jovem, isso foi um diferencial”.

As rodas de conversa despertaram nos jovens a necessidade de conhecer e de fazer parte da política.  Humberto Dantas conversou com os jovens sobre o que é de fato democracia e enfatizou: “quando se fala em política é fundamental que as pessoas entendam que todos fazem parte dela, não só os governantes. Foi interessante perceber que os jovens já utilizam a democracia nos trabalhos comunitários na Fundação Tide Setubal”.

Vitor Dinis Fonseca, do Núcleo de Elaboração de Projetos, tem 16 anos e votou pela primeira vez no último dia 05. “Fiquei interessado no curso para entender melhor a minha nova responsabilidade como cidadão. Tinha muitas dúvidas, principalmente, sobre as responsabilidades de cada político. Conversar com os palestrantes me ajudou a entender melhor e escolher com mais responsabilidade meu voto”.

Outros depoimentos
Juliana Ortega – Centro Social Irmão Lourenço (Cesomar) – 20 anos
“O curso foi fundamental para abrir meu pensamento sobre política. Conversamos de uma maneira simples e foi possível compreende melhor sobre a democracia do nosso país. As pessoas não gostam de falar sobre política, alguns acham um assunto chato e não possuem o devido conhecimento para um debate sobre isso”

Wagner Souza Teixeira – 17 anos
“Não sou aluno do CDC, porém esse curso é de extrema importância. Este é o primeiro ano que vou votar. Acho importante saber quem eleger, conhecer quem vai representar você e ajudar a escrever o futuro”.