Notícias

Circuito de Lazer ocupa espaços públicos no Jardim Lapenna


JUVENTUDE | GALPãO | FAMíLIA | ESPORTE 25/07/2018

Por Carolina Nascimento 

No 30 de junho, o Campo do Mutirão, no Lapenna, foi ocupado por crianças e adultos que resgataram brincadeiras antigas como amarelinha, pula corda, bolinha de gude, futebol de botão, e promovendo a prática esportiva por meio do vôlei, futebol e novas modalidades como o badminton. Ali, aconteceu o segundo Circuito de Lazer no Jardim Lapenna, uma parceria da Fundação Tide Setubal, ETEC de Esportes, Sociedade Amigos do Jardim Lapenna e a comunidade local, que visa a ocupação do espaço público para o lazer e a prática esportiva. A ação surgiu a partir de uma demanda dos moradores na criação do Plano de Bairro Jardim Lapenna, que apontou a falta de locais e atividades de lazer para as crianças e adolescentes da região.

“Com o Plano de Bairro, nós unimos forças em prol das nossas crianças, que não têm áreas de lazer. Precisamos de mais espaços de lazer para elas, os nossos adolescentes e idosos”, diz Cleiton da Silva, conhecido como Kaki, vice-presidente da Sociedade Amigos do Jardim Lapenna.

“A proposta é de que no futuro esta intervenção culmine na implementação de uma Rua de Lazer no território, uma política pública da secretaria de Esporte de São Paulo”, conta Marcelo Ribeiro, coordenador de projetos da Fundação Tide Setubal. O Circuito de Lazer acontece uma vez por mês, em diferentes lugares no bairro, com objetivo de criar espaços de convivência.

Todos os materiais e equipamentos são fornecidos pela Fundação Tide Setubal e as atividades e brincadeiras contam com o apoio de educadores, além do acompanhamento de uma estagiária da ETEC de Esporte. “A intenção é que os moradores se apropriem dessas atividades e proponham outras brincadeiras”, afirma Ingrid Muller, educadora física e uma das responsáveis pelo projeto na Fundação Tide Setubal.

Para Junio Favaro Crema, Assistente Técnico Administrativo e responsável pelas parcerias da Etec de Esportes, a participação dos alunos em projetos sociais é uma oportunidade para eles aplicarem na prática os conhecimentos adquiridos durantes as aulas. “Assim, eles aprimoram seus conhecimentos e vivenciam novas experiências, seja no âmbito educacional, social e cultural, contribuindo para a formação de um profissional competente e consciente da sua importância e participação na sociedade”, declara.

A moradora Vanessa da Silva Tenório, que participou do segundo Circuito de Lazer, acredita que a ação deveria acontecer sempre, para a população local se acostumar e participar mais. “Hoje estive aqui com meus filhos e marido, e me diverti bastante, sai um pouco da rotina de casa.  Acredito que nós como pais temos que incentivar nossos filhos a participarem desse tipo de atividades e vir com eles”, conta.