Enfrente

Lançamento da Ação Brasileira de Combate às Desigualdades (ABCD)

As desigualdades extremas do Brasil não são naturais, e sim resultantes da nossa estrutura econômica e tributária, assim como de políticas públicas e ações da sociedade construídas ao longo do tempo - e que, portanto, podem e devem ser desconstruídas.

A pandemia de Covid-19 não apenas deixou essas desigualdades mais evidentes como acirrou esse quadro.

Diante disso, mais de 30 organizações da sociedade civil se articularam na Ação Brasileira de Combate às Desigualdades, com o objetivo de reduzir a dispersão de esforços e levar o tema das desigualdades ao topo da agenda política do país.

Acompanhe o lançamento da rede.