Fundação Tide Setubal
Imagem do cabeçalho
Imagem do cabeçalho

CPDOC recebe menção honrosa em Prêmio Milton Santos

@Comunicacao

29 de junho de 2009
Compartilhar:

O CPDOC São Miguel Paulista recebeu menção honrosa na quinta edição do Prêmio Milton Santos. A premiação aconteceu em 26 de junho e o projeto foi destaque na categoria I, que reconhece iniciativas que propiciam a consolidação e ampliação de direitos territoriais e culturais, inclusive o direito do cidadão de interagir nos processos de organização espacial que afetam diretamente o modo de vida local.

 

Organizado pela Câmara Municipal de São Paulo, o Prêmio tem como objetivo reconhecer projetos que promovam a consolidação e ampliação do direito do cidadão e que trabalhem a transformação do território, propiciando novas formas de solidariedade social. “O Prêmio serve de estímulo para aqueles que precisam produzir alternativas solidárias dentro da ação comunitária”, afirmou o vereador Francisco Chagas, que presidiu a sessão.

 

Mauro Bonfim, coordenador do projeto, destacou que ganhar este Prêmio significa, antes de tudo, o reconhecimento da atuação do CPDOC e da Fundação Tide Setubal no território de São Miguel. “Ao mesmo tempo, demonstra que estamos no caminho certo no que se refere à inclusão dos moradores na construção da memória social do bairro”, comemorou.

 

Com foco na construção da memória local e na sua relação com a cidade de São Paulo, o CPDOC São Miguel desenvolve ações para conservação e ampliação do acervo sobre a história e o patrimônio da região, com base nos eixos Educação, Cultura e Cidadania. Ele surgiu a partir do projeto São Miguel Paulista e Brasileiro, que formou jovens pesquisadores socioculturais. “As iniciativas desenvolvidas pelo CPDOC têm como objetivo favorecer a participação dos moradores na construção e ressignificação da história e a identificação de soluções para os problemas existentes a partir de uma nova leitura”, explicou Bonfim.

 

O vencedor da categoria foi o Instituto Acaia, que concorreu com o projeto “Ateliê Acaia”, um espaço de aprendizagem que respeita o caminho emocional de seus frequentadores, oferece diversas oficinas, como aulas de marcenaria, artes e biblioteca, além de acompanhamento psicológico, buscando desenvolver habilidades que auxiliem em uma inserção social saudável. Na mesma categoria, também recebeu menção honrosa o projeto “Dossiê de Denúncia: Violação dos Direitos Humanos no Centro de São Paulo”, do Fórum Centro Vivo.

 

 

Quem foi Milton Santos?

 

Apesar de graduado em Direito, Milton Almeida dos Santos destacou-se por seus trabalhos em diversas áreas da geografia, em especial nos estudos de urbanização do Terceiro Mundo. Como um dos grandes nomes da renovação da geografia no Brasil, ocorrida na década de 1970, recebeu o prêmio máximo na área da geografia, o Vautrin Lud, conferido por universidades de 50 países. Foi professor da Faculdade de Filosofia da Universidade de São Paulo (USP) e atuou como consultor em organizações internacionais, como a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco).

 


Compartilhar:

Nós utilizamos cookies para melhorar a experiência de usuários e usuárias que navegam por nosso site.
Ao clicar em "Aceitar todos os cookies", você estará concordando com esse armazenamento no seu dispositivo.
Para conferir como cuidamos de seus dados e privacidade, acesse a nossa Política de Privacidade.